Insensível

Insensível

Nosso começo em São Paulo foi encontrando os Titãs lançando seu segundo disco "Televisão". A faixa de lançamento era "Insensível". Tocamos juntos no Latitude 3001, uma casa louca no formato de barco pirata.

Inútil

Inútil

A vesão do vídeo é de 1984, mas em 1985 eles já estavam estourados com outra versão: a do disco Nós Vamos Invadir Sua Praia.

Eu Me Amo

Eu Me Amo

Só dava Ultraje A Rigor no início de 1985. Praticamente todas as músicas do disco tocaram nas rádios.

O Drama

O Drama

O nome dela era WoodThere. Ou melhor Paula (numa tradução Google para o inglês). No show, era o momento em que Coelho solava por um longo tempo. No disco, o destaque ficou para o sax de Aurino Ferreira.

Domingo

Domingo

Letra escrita num sábado igualmente monótono. No disco, Miguel ficou por conta do arranjo de cordas. O solo pentatônico de Coelho é também marcante. Em Belo Horizonte, foi um sucesso nas rádios, numa época em que não existiam rádios por satélite com a mesma programação.

Reco

Reco

Uma vez, ao nos apresentarmos na Academia das Agulhas Negras, os cadetes pediram muito para que NÃO TOCÁSSEMOS RECO. Do contrário, eles seriam presos. Chegamos a pensar em fazê-la somente em instrumental mas, depois, achamos melhor não brincar com isso. O risco era deles, não nosso.

e mais....

image

A revista número zero da Bizz veio com uma matéria de página sobre a banda. Quando a versão para o grande público saiu, foi reduzida à metade. Aqui neste link você tem acesso a toda a matéria original, assinada por José Emilio Rondeau.

image
O ingresso para assitir Celso Blues Boy, Zod (banda de Sérgio Dias, do Mutantes), Biquini Cavadão, Legião Urbana, Ultraje a Rigor e Paralamas do Sucesso, tudo numa mesma noite!
image
Nem sempre era fácil acertar o nosso nome...
image
Birita lendo o release de nosso disco promocional de Tédio, numa das salas da Polygram, 1985

Macayé

image
Eis o enorme público presente ao evento. Dois pagantes. Um recorde!
image
Palco do lendário Macayé Rock Show. Birita à frente e o pé é meu. Grande fotógrafo que eu era!
image
Miguel e Eduardo Longo (primo de Coelho e primeiro roadie) no Funcionários de Volta Redonda, 1985. Ainda não tínhamos estante para o teclado. Era tocar na primeira mesa que tivessem no local. Coelho ajoelhado à direita.